segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

Dicas práticas para não queimar o filme com as gatinhas

Muitos dos meninos que andam à solta pelo Rio de Janeiro andam muito sem noção. Alguém precisa dizer a eles que algumas atitudes são feias e acabam por detonar-lhes a imagem de maneira avassaladora. Como ninguém se sente bem mandando a real na cara (até porque é constrangedor), segue abaixo uma cartilha com dicas práticas para não queimar o filme com as gatinhas.

Capítulo Primeiro: do convite.

-Mas você sabia que ele era pistoleiro?
-Descobri ontem.
-Ele foi na parada por sua causa, né?
-Sim.
-E chegou a rolar algum convite prum after?
-Chegou, mas quando ele viu a quantidade de amigas minhas presentes, curtiu a configuração e desistiu do convite que tinha feito 2 horas antes.
-Hummm, que pobreza. Mas ele é gato pelo menos?
-Nem.
-É simpático?
-Sim.
-E com certeza estava mais simpático ainda no meio da mulherada, né?
-Super.
-Cara-de-pau o sujeito, então.
-Pois é, menina, fiquei até meio sem-graça com a falta de noção dele, sabe assim?
-Se sei.

Dica prática: ao combinar de encontrar uma moça, não se empolgue com as amigas dela, mesmo que elas estejam te dando o maior mole. É deselegante demais.

Capítulo Segundo: do pau fino.

-Mas vocês tavam saindo numa boa, né?
-Sim, estávamos, até ele entrar na paranóia do namoro.
-Como assim?
-Começou a querer ficar comigo escondido, a dizer toda hora que não era meu namorado, sabe assim?
-Ui.
-Me dava vontade de falar: ok, baby, mas quem disse que quero ser sua namorada????
-Pois é.
-Não quer me namorar, mas outro dia veio de novo com um papo mole querendo me levar pro motel. Daí me fiz de desentendida, porque não tava a fim de esfregar minha bucetinha de ouro naquele pau fino.
-Hahahahahahahaha.

Dica prática: Se seu pau é de calibre fino, cuidado: quanto mais babaca você for, mais a mulherada vai explanar suas medidas.

Capítulo Terceiro: da ficadela.

-Não te vi mais na festinha
-Pois é menina, teve uma hora que fui embora.
-Mas tava tão legal...
-Tava sim, mas acontece que fiquei com um idiota lá que pegou outra menina na minha frente.
-Ui!
-Aí, já um pouco passada, resolvi ir embora.
-Lógico!
-Mas tirando isso, foi o máximo, né? Precisamos sair mais juntas.
-Sim, claro! Mas sabe que você não é a primeira que me fala isso? Duas amigas minhas passaram pela mesma coisa nessa festa: carinhas dando mó mole e pegando outras na sequência.
-Mentira!
-Quem dera que fosse...

Dica prática: Se escolheu uma menina pra ficar, seja homem o suficiente pelo menos por uma noite, mesmo que alguma pistoleira passe a mão na sua bunda. Afinal de contas, as árvores morrem de pé.

Capítulo Quarto: da ejaculação precoce

-De repente ele tava nervoso, não?
-Com certeza.
-Dá uma chance pro rapaz, talvez na próxima ele mande bem.
-Sim, eu tava até numas de dar uma segunda, ou até mesmo uma terceira chance, mas ontem ele me mandou um email bizarro.
-Falando o quê?
-Que eu era gente fina, mas que ele tinha esquecido de comentar que tava enrolado com outra pessoa.
-Esquecido de comentar??? Mas isso não é um mero detalhe, cara!
-Pois é, surreal.
-E você, respondeu?
-Não, né! A única resposta que eu poderia dar é: tá, querido, tomara que com essa outra você consiga ficar de pau duro por mais de 5 minutos sem gozar. Mas aí seria humilhação, né?
-Sim, seria.

Dica prática: se sua performance não é lá essas coisas, cuidado: quanto mais babaca você for, mais a mulherada fará questão de não guardar segredo sobre sua ejaculação precoce.

Capítulo Quinto: da conta.

-Mas ele não tinha grana pra pagar?
-Tinha, claro.
-Então por que isso, meu Deus?
-Sei lá, cara.
-Ele tinha te convidado ou você se ofereceu?
-Me convidou, eu disse que tava sem grana, ao que ele respondeu: sem problemas, eu recebi um adiantamento de um cliente e coisa e tal.
-Não dá pra entender então.
-Mas o pior foi depois. Me trouxe em casa, deu uma desculpa de que tava apertado pra ir ao banheiro e, chegando aqui, ficou numas de querer me comer.
-E você?
-Não tive estômago, né?

Dica prática: Se convidou a dama pra sair e ela previamente lhe avisou que estava sem grana, pague a conta sem mais delongas. Demonstrações de mesquinharia deixam qualquer bucetinha ressecada.

Por enquanto são essas as dicas.

Básicas, eu sei.

Óbvias de doer, também percebo.

Do jeito que as coisas vão, depois do carnaval, infelizmente, surgirá mais uma lista delas.

Provavelmente ainda mais óbvias e básicas.

Porque depois que a carne muito vale, a alma só barateia.

18 comentários:

gigi disse...

minha amiga, eu tenho um repertório vastíssimo de ofensas pra contar! se vc passar um dia com a minha galera vai escrever mais que o Thomas Mann.

pior é o cara cagar na tua casa no primeiro encontro e deixar os cantinhos do vaso salpicados de merda mole.

gigi disse...

ah, minha amiga tá dizendo aqui que eram umas folhinhas, sabe? cocô com salsinha é foda.

gigi disse...

uma vez um merda passou uma semana me chamando pra sair. me pegou em casa de carro ali na arthur bernardes pra dar a volta no quarteirão e sentar comigo em um boteco podre na dois de dezembro.

enojada, pedi arrego na terceira cerveja. a conta chegou e o cara:

- deu 9 reais.

fiquei tão abismada que só consegui falar um "ah é? e vc tá sem trocado, é isso? dá na mão do garçon que ele se vira".

ai, poli...

gigi disse...

– Oi!!!
– Nossa... quanto tempo!
– É que eu estava na Europa.
– Que maneiro, como foi lá?
– Foi foda, blá, blá, blá...
– Maneiro. Que bom falar com você.
– Mas me fala... vc está morando com a sua mãe ainda?
– Estou sim.
– Pô, que pena... mas vamos ver se a gente sai assim mesmo...
– Claro, só marcar.
– Mas é meio a meio porque eu estou duro, ok?
– Como é que é?

tu... tu... tu...

M. disse...

tenho uma amiga que oc ara brochou com ela no motel, no dia seguinte ela foi toda fofa mandou msg,..ai o cara ignorou e a gente deu de cara com ele com outra na mesma festa...

vergonha....

a carne tá valendo quanto?

renata disse...

gente...ta foda demais, todas ja passamos por esses capitulos..dps a mulherada se une, revoluciona e so come peru de garfo e faca..dai quero ver como eh q vai ser???

Fábio Ricardo disse...

Mulherada aqui é nervosa, hein?
Eu que sou um gentleman, não vou comentar pra não perigar acordar na boca do sapo.
Mas taí, não é só no Rio que a raça tá podre não...

Maurício disse...

auahauahauahu..sensacional!! Mas escapei dessas aí...ahahahah...
Deus !! Essa Gigi é figura total !!..ri muito dos seus comentários !!! Riso nervoso sabe ..de medo !auahauahuahu

Juju disse...

Ai, esses homens...tsi...o pior que eu fui casada que um dessa estirpe...fui mais longe..credo!

avecreeew disse...

eles(as) estão descontrolados q nem cego perdido em tiroteio. haja meditação nu agora.
lovi u nu forévis*

Camila Felix disse...

olha, é básico pra gente, mas pra eles é uma cartilha educativa!

texto de ouro esse aí.

;D

gigi disse...

Maurício, e olha que eu ainda nem comecei a desfiar meu rosário. Só pra vc sentir o gostinho: já ganhei um bouquet de MONSENHOR. Sabe o que é isso? Aquela florzinha branca de cobrir defunto.

Castor disse...

"Porque depois que a carne muito vale, a alma só barateia."

Sempre esbanjando elegância...

Muito bom!

Jurubeba disse...

pra ala masculina, nem a didática salva!

Maurício disse...

ahahahah...tapa defunto é sacanagem !! Mas Gigi, és vascaína? Ahh...isso tbm é sacanagem ! =P

Leandro Ravaglia disse...

Se eu tiver pau fino, ejaculação precoce, escolher vc e ficar dando mole pras suas amigas na festinha, será q rola? rsrs

Curti demais. Parabéns!

OBS: Mas o carnaval tá aí. Não seguirei, rsrs

Paulo Bono disse...

Tá certa. Você tá sempre certa.

abração

*Não deu pra ir. Num dia, trabalho.
Noutro, umas paradas de saúde nada agradáveis.

silvia disse...

Muito bom, Poli! Nossa vingança será maligna!!! Pau fino e ejaculação precoce foram as melhores! Se o cara é babaca, tem que divulgar MESMO!!!
Vou escrever umas historinhas pra te mandar, porque roubada no Rio de Janeiro é o que não falta...
Beijos, querida! Adorei te ver outro dia.
Sil