quinta-feira, 12 de março de 2009

A turma do gargarejo

-Ele duvidou que eu gargarejo, pode?
-Como assim????
-Perguntou se eu cuspia ou engolia. Meti: eu gargarejo!
-E ele duvidou simplesmente?
-Sim.
-Nossa, que cético!
-Pois é, menina, fiquei até me sentindo A Deep Throat!
-É, bela, o moço não tava naquela festinha na casa do Adolfo há uns 10 anos...
-Noooosssaaaaaaaaa! Puxou detrás, hein, nega!
-Lá geral dispensou o cepacol...
-Hahahahahaahahahahahaha! Podes crer...
-Cara, na boa, mais puta que você, só a Adélia mesmo.
-Adélia? Nem acho...
-Olha o despeito!
-Só por que ela comeu aqueles 2 negões gêmeos em Salvador?
-Na casa das namoradas gêmeas deles, esqueceu esse detalhe?
-Ah, isso foi só um golpe do destino. Se fosse comigo, eu faria o mesmo.
-Faria porra nenhuma, que você é piranha, mas não é puta!
-Adélia não gargareja...
-Tá bem: você é a mais piranha. Adélia, a mais puta, tá bom?
-Ainda acho injusto, mas beleza...
-Ah, bonita, ética é uma coisa legal, vai.
-Não adianta de porra nenhuma, mas é legal, concordo.
-Adianta, sim. Veja bem: uma piranha ainda se dá a chance de agir com respeito. Já a puta, não.
-E daí?
-Daí que, enquanto a puta quer fuder com as rivais, as piranhas querem mais é que as rivais assistam confortavelmente a tudo de camarote, sacou?
-Boa!
-É mais chic ser piranha...
-Vendo desse modo, é mesmo...
-Portanto, fofa, deixa o bofe duvidar que você gargareja. Um dia, quem sabe, ele encontra uma mulher que faça isso e aí ele vai te dar razão.
-É...
-Nada como o tempo...
-Pode crer.
-Mas e hoje, qual a boa?
-Vou a uma festa com Alexandre, fazer presença de gostosa, porque ele tá saindo com uma mulher que tá escrotizando ele.
-E a mulher vai estar na festa?
-Lógico, né?
-Vai dar de acompanhante fake?
-Fazer o quê? O cara é meu amigo há 20 anos, tá precisando dessa força. Se eu não fizer isso por ele, quem vai fazer?
-Ele quer é te comer!
-Sim, claro, mas aí, normal também, né? Depois de pagar de namorada a festa toda, no final da noite vou estar precisando mesmo de um agrado.
-E depois ele vai te levar pra onde?
-Praquele motel lá na Niemeyer.
-Caraca, tá com prestígio, hein, nega?
-Faço isso mais por ele, sabia? Tem horas que um homem precisa esbanjar com uma mulher, senão explode!
-Té parece que não adora o pau do bofe...
-Gosto, claro, que não sou Madre Teresa...
-Piranha!
-Enfim, querida, tá na minha hora, marquei depilação pras 4.
-Manda meu beijo pra ele?
-Deixa comigo.

Na dúvida, depilou cavada, já que não conhecia ninguém mais voraz com esse negócio de buceta do que o tal do Alexandre.

E, em homenagem ao cético, nem levou cepacol pro motel.

9 comentários:

Leandro Ravaglia disse...

"...não conhecia ninguém mais voraz com esse negócio de buceta do que o tal do Alexandre."

...

M. disse...

"Daí que, enquanto a puta quer fuder com as rivais, as piranhas querem mais é que as rivais assistam confortavelmente a tudo de camarote, sacou?"

Juju disse...

Amore,
vc está no rol de mulheres que me fazem felizes!!!
Ótimo texto :)

Juju disse...

ps. traçar negões gêmeos entrou para a minha lista de fantasias sexuais....

Paulo Bono disse...

"Você sabia 80% das bactérias não estão nos dentes?"
Então gargareja, sua putinha!

muito bom.

abração

gigi disse...

AHAHAHHAHAHAHAHAAHAHAH

Thais Farage disse...

só vc me tira do mau-humor, gata.

Marcela Bertoletti disse...

rsrsrs
Adorei! Maravilhoso como sempre!
Beijos queridona!

Elaine disse...

uma vez fiz uma enquete na loja em q trabalhava...vc engole ou cospe??
adorei o texto!!! Abaixo o Cepacol!!!
bj