segunda-feira, 27 de setembro de 2010

Cosme e Damião Light


Doce é a coragem de seguir adiante

Mesmo sabendo

Que medo é obstáculo

Que dedo é tentáculo

E que intimidade

Para além de raridade

É desafio constante

4 comentários:

Idéias em Gotas disse...

Tenho pensado mto nisso, no lance da intimidade... É o que faz toda a diferença...

rodrigo de roure disse...

viva! :D

Guia de Cego disse...

E, por falar em intimidade, moça Poli, dá uma olhadela no nosso escancaro: http://rioguiacego.blogspot.com/
Pois é... um ensaiozinho em braille da nossa futura empreitada virtual. Aquela que te falei, numa longínqua sessão noturna da Semana dos Realizadores. Bom vc ver mesmo, pra saber na fria que será colaborar com a gente!

beijocas,

Mauro Reis (ou Lobo Mauro, se tiver de vermelho)

Anônimo disse...

Que poeta é você, Poli!!!Bjs Gabi