terça-feira, 13 de janeiro de 2009

O feng shui de Jane

Essa coisa de ano novo vida nova é uma balela que, mal ou bem, acabamos comprando junto com o peru, as nozes, as uvas e as calcinhas vermelhas. Com Jane não foi diferente: parou de fumar, começou a beber de forma careta e resolveu cuidar mais do que bota pra dentro, seja a comida propriamente dita ou as pessoas do sexo oposto.

Dessa forma, sem falar nada pra ninguém, começou 2009 analisando os passos dos moços que a assediaram em 2008, desde os que lograram êxito até os que ficaram na mão, seja por falta de oportunidade ou por pura inabilidade. Tudo sem mágoa e com afeto, porque, afinal de contas, as pessoas são o que são e dão o que tem.

A coisa está sendo tão eficiente que, pelas suas contas, até dia 20 de janeiro terá anunciado seu veredicto: quem fica e quem sai de sua lista de afetos e quem pode algum dia ganhar seu coração.

Olhando assim, parece até que Jane está à busca de um Tarzan, mas que nada. A única coisa que deseja é um cara que beije dignamente, que saiba onde botar as mãos, que chupe buceta sem ter que ser requisitado para tal e que não tenha medo de intimidade, nem tampouco de andar de mãos dadas. Porque a era dos hermetismos angustiados, pra ela, já acabou. Chega de homem que só é afetuoso quando quer algo em troca. Chega de gente que tem namorada, ou casos, ou rabos presos. Chega também dessa coisa de não estar a fim de se abrir, nem de falar sobre este ou aquele assunto. Porque, cá pra nós, melindre e mau humor são tão cafonas quanto calças semi-bag.

E assim, decidida como um centro-avante, foi ticando sua lista sem alarde. Tanta terapia tinha servido para fazê-la perceber que somente quando nos livramos de velhos hábitos é que podemos abrir espaço pro novo. Só mesmo esvaziados é que observamos com entusiasmo o que está ainda por vir. Na realidade, esse exercício nada mais é do que uma arrumação interna, uma reorganização de interesses, uma espécie feng shui sentimental. Ou bucetal, como queiram.

E, do jeito que a coisa vai, é capaz de no carnaval a moça já estar namorando.

Porque, afinal de contas, quem não chora não mama.

12 comentários:

fabioricardo disse...

Jane é que tá certa, pq sem selecionar cuidadosamente, quando a gente vê tá gastando tempo com qualquer um. E quanto mais em falta a gente fica no mercado, nosso preço (e apreço) só aumenta.

gigi disse...

Acho que nunca li nada tão `meu momento'na vida. lov u.


DEUSA, reinando absoluta na porta da minha humilde residência.

Rodrigo Carreiro disse...

O mais inteligente seria começar a namorar depois do carnaval. Aliás, na própria festa pode-se arranjar novos nome para a lista ;p

coracaodepoeta disse...

Muito bom o seu blog, hein?!

Parabéns, moça!

Esse seu texto é fantástico...

Posso colocá-la em meu blogroll?
Beijos
Johnny

Poliana Paiva disse...

Fábio, tive uma professora que dizia: "não gasto vela boa com defunto podre". Não é ótimo?
Gigi, esse é o momento de várias fêmeas, você não faz idéia...
Rodrigo, você tem razão, principalmente em se tratando de carnaval na Bahia
Johnny, desculpe a ignorância, mas blogroll é a lista dos seus blogs favoritos? Se for, vou ficar honrada em fazer parte.
Valeu, gente!

coracaodepoeta disse...

Olá Poliana,

É exatamente isso!

Considere-se colocada.

Beijos

l'ondine disse...

feng shui sentimental rules. é o papo!

Paulo Bono disse...

fantástico! ou bucetástico!

abração, escritora

Juju disse...

feng shui bucetal é otimo para circulação das boas energias...
nada de estagnação, viva a buceta repaginada!!!!!

sateliteproprio disse...

é o espelho do momento, esse texto.
reflete exatamente o que nós, fêmeas autênticas e desinibidas, vivemos nestes tempos de machos indecisos e já acasalados.

ótima leitura para antes do reinado de Momo...

valeu por expor o que nós vivemos!

Rackel disse...

Namorando?! Se ela tirou todos os rabos-presos, os caras q não pagam boquete sem ser requisitados, os q não se abrem e etc, não sobrou mta coisa pra ela namorar, né?!? Pq homem sem problema... acho q não existe não!

Fab Trinca disse...

valeu jane, arrasa gata!
fortalecendo as irmã, isso ae!
rs